mais uma vez, o Brasil em questão...

Tenho pensado no que ocorre com este país no que diz respeito à prática da leitura. Nosso povo e nossos estudantes não têm um hábito muito dirigido à leitura; é mais fácil encontrar nossos jovens em idade escolar lotarem as lan houses no período de férias; é mais fácil e mais imediato em todos os sentidos...

Li no blog da Tânia a respeito da iniciativa do Ministério da Cultura de lançar uma campanha para incentivo da leitura no Brasil; esta campanha será divulgada pela imprensa (Rádio e TV) e nas escolas, mas, é importante lembrar que certos temas só são discutidos neste país quando a novela das oito os coloca em questão: foi o caso das crianças desaparecidas, ou mesmo para falar um pouco mais da cultura e religião islâmica, quando todo mundo repetia pelas ruas palavras como "haran" ou "jogado no vento", essas coisas...

Não quero "demonizar" as novelas e muito menos subestimar qualquer contribuição que tenham feito, mas é preocupante ver o futuro de um país ou os rumos de uma sociedade passar por uma novela. Acho meio desesperador...

Ser escritor neste país é uma prática ingrata. Há de se colher bons frutos com o tempo, espero...

Comentários

Postagens mais visitadas